ENSCER

Login
Entrar em Contato
Ver Meus Contatos

"O Cérebro na Escola"

Capítulo VII - Usando a Língua Materna - Os diversos contextos de uso

O processamento da linguagem é uma atividade bastante complexa, envolvendo diferentes circuitos cerebrais (Fig.1), que se localizam predominantemente no hemisfério esquerdo do cérebro.

Fig. 1 – Os Circuitos cerebrais para linguagem

Em geral, a semântica das palavras ficam representadas em neurônios que se localizam:

1 - na área de Broca: quando se trata dos verbos, pois demonstrou-se que aí existem células neurais que são ativadas tanto quando o indivíduo executa a ação do verbo, como quando ele vê alguém executar a mesma ação, por exemplo pegar um objeto qualquer.

2 - na área de Wernicke: quando se tratar de um nome qualquer, uma vez que a lesão nessa área resulta em perda da capacidade de reconhecer o significado das palavras.

A compreensão de um frase ativará circuitos neurais distintos dependendo de ser:

1 - uma frase procedural: que fale de uma ação, ou
2 - uma frase descritiva: que descreve um objeto, pessoa, etc.

No caso das frases procedurais, a identificação do verbo se faz na área de Broca, pela ativação do neurônio que representa a ação verbal. A partir das relações desses neurônios com células em outras áreas cerebrais, ficam automaticamente definidos os tipos de sujeitos e complementos aceitáveis por esse verbo. A identificação dos outros componentes da frase é orientada pela focalização da atenção sobre certos tipos de palavras a serem reconhecidas a partir de suas ligações com a área de Wernicke.

:: ENSCER - Ensinando o Cérebro :: 2018 ::